Um olhar sobre o mundo Português

A edição desta semana dá voz  aos insurrectos, os que saem fora da norma e seguem a sua própria voz, como os meus convidados. 

h facebook h twitter h pinterest

Escolhas, o livro

Escrito por 

Dizem que uma imagem vale por mil palavras, nesta livro de fotografia de Miguel Leitão Jardim, a premissa é ligeiramente subvertida há 14 fotografias que servem como fonte de inspiração para vários autores. Cada uma das imagens sugere um poema, com menos palavras é certo, mas plenas de significado.

Qual foi o ponto de partida para este livro de fotografia?
Miguel Leitão Jardim: O ponto de partida foi uma série de viagens minhas em espaços museológicos. Especialmente Serralves, no Porto e as Mudas, na Madeira e ao contrário de outros trabalhos este surgiu de algumas dessas fotografias que fiz e que me motivaram a continuar uma série que percebi que tinha, aumentá-la e dar-lhe vida. O enquadramento que surgiu resulta dos vários autores que foram convidados para escreverem sobre as várias imagens que estavam aliadas a este projecto.

Fala-me das imagens. São na sua maioria a preto e branco.
MLJ: Sim, só com excepção de uma que tem o elemento de cor que é o centro do livro, tem um texto também, embora tenha aparecido posteriormente ficou muito bem enquadrado para a ideia que eu tinha para a imagem central do livro que é uma cadeira vermelha.

As imagens a preto e branco também estão relacionadas com os próprios espços?
MLJ: Sim, tem a ver com os espaços muito brancos, muito negros e pouca cor. É o conceito do livro e por isso achei que aqui muita cor não faria sentido, com a excepção que mencionei.

Deixe um comentário

Certifique-se que coloca as informações (*) requerido onde indicado. Código HTML não é permitido.

FaLang translation system by Faboba

Podcast

Eventos

loading...