A Look at the Portuguese World

ptenfrdees

 

h facebook h twitter h pinterest

A voz humana na bienal internacional de poesia de oeiras

Written by  Yvette Vieira fts Alípio Padilha

Trata-se de uma criação de Patrícia Andrade e David Pereira Bastos que está inserido na Bienal Internacional de Poesia de Oeiras, com uma única apresentação, no Edifício Atrium, sábado 20 de Novembro, às 21h00.

A Voz Humana é um espetáculo de teatro e um concerto de rock, que desequilibra o emblemático texto de Jean Cocteau, um monólogo em que uma mulher fala ao telefone com o seu amante, que nunca ouvimos. No dia seguinte, ele irá casar-se com outra mulher. A chamada cai algumas vezes e a conversa é interrompida nos momentos de maior vertigem.
No que é uma aparente banalidade doméstica, testemunhamos um verdadeiro “mise en abîme” desta mulher abandonada pelo seu companheiro.
Uma actriz, um microfone num tripé e uma guitarra. Uma voz que fala, grita, chora, geme, sussurra e esvai-se. A voz canta simultaneamente o inconformismo e a resignação, a revolta, o desespero e a fragilidade, num grito abafado de uma pessoa que luta para não se afogar.

Texto Jean Cocteau
Encenação Patrícia Andrade e David Pereira Bastos
Interpretação Patrícia Andrade
Música Fernando Matias e Patrícia Andrade
Sonoplastia Fernando Matias
Vídeo Bruno Simão
Desenho de Luz Janaina Gonçalves
Fotografias Alípio Padilha
Assistente de Encenação e Apoio
Vocal Rita Carolina Silva
Produção e Comunicação TdE
Mafalda Simões
Assistente de Produção Adriana Gonçalves
Co-Produção Cine-Teatro Louletano e Teatro do Eléctrico
Entrada gratuita mediante reserva.
Reservas- https://bienaldepoesiadeoeiras.pt/sessao/a-voz-humana/

Leave a comment

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.

FaLang translation system by Faboba

Podcast

 

 

 

 

Eventos