Um olhar sobre o mundo Português

ptenfrdees

 

                                                                           

h facebook h twitter h pinterest

Yvette Vieira

Yvette Vieira

Em abril, de 14 a 18 de abril, estamos a organizar uma conferência 100% online sobre Trabalho Remoto, Freelancing e Nomadismo Digital. Durante esta semana quem se inscrever na conferência pode assistir gratuitamente às 16 palestras de palestrantes de várias áreas. 

Com toda a situação actual devido ao CoronaVírus, Portugal e o Mundo está a Trabalhar a Partir de Casa. O nosso colectivo online de Nómadas Digitais está a organizar uma Conferência Online (100% online) sobre Trabalho Remoto / TeleTrabalho, Freelancing e Nomadismo Digital. O que prometemos aos nossos participantes? Durante uma semana vais aprender tudo o que precisas de aprender para te tornares um trabalhador independente e remoto, com o apoio de vários palestrantes indómitos. 

ORADORES

Pedro Oliveira, Fundador Landing.Jobs

Catarina Campino, Detail Master da Academia de Código

Gonçalo Hall, Consultor de Trabalho Remoto

Flávio Ludgero, Fundador Officeless

Ludmila Rebola, Consultora Financeira de Nómadas Digitais

Esta conferência tem como principal objectivo a partilha de experiências dos palestrantes afim de ensinar a todos os que assistem estratégias e metodologias para se tornarem trabalhadores independentes.

Para mais informações visite o nosso site https://summit.nomadadigital.pt

Para Conhecer um pouco melhor o nosso colectivo podem também visitar o nosso canal de vídeos no Facebook onde partilhámos muito conteúdo sobre Trabalho Remoto, e ficam também a conhecer as caras de cada um de nós.

Videos aqui: https://www.facebook.com/pg/nomadadigital.pt/videos/

terça, 17 março 2020 12:02

Assobia para o lado

“Assobia para o Lado” é a nova música e vídeo de Carlão para animar os portugueses neste momento difícil. 

Uma música bem-disposta, com boas vibrações e que, no fundo, chama a atenção para o lado bom e positivo da vida. “Esta música é francamente positiva, tentando apelar para a relativização daquilo que nas nossas vidas pode e deve ser relativizado, um comentário gratuito numa rede social será um exemplo entre muitos outros”, acrescenta Carlão.

Para o artista, uma das coisas mais positivas da vida é também a rede de amigos e família que o rodeia e que, em inúmeros momentos, o inspira nas suas músicas.

“Assobia para o Lado” foi o motivo perfeito para, no mesmo vídeo, reunir algumas das pessoas que, pela sua forma de encarar a vida, inspiram os outros, todos os dias, a vivê-la de uma forma mais rica, mais tranquila e positiva.

Cantores, produtores, atletas, humoristas, familiares e colegas de banda, entre outros, juntaram-se neste novo vídeo para, no fundo, celebrar a vida. É o caso de Branko, Conan Osíris, Conguito, Inês Lopes Gonçalves, Joana Cruz, Marco Fortes, Nuno Markl e Sara Tavares, entre muitos outros que participam desta nova colaboração com o realizador Fernando Mamede.
Todos assobiaram para o lado.

“A mensagem aqui é concentrares-te naquilo que é realmente importante e tentares não ligar muito a más ondas, ou seja, quando assim é, “Assobia Para o Lado”! Para o videoclipe chamei pessoas que têm uma postura “para cima”, que também não se levam demasiado a sério e considero terem tudo a ver com a atitude da canção”, complementa Carlão.

Em relação também ao momento atual que vivemos, Carlão diz: “A situação atual de ameaça à saúde pública é relevante. Numa era em que muitas pessoas julgam antes de tentar entender, ainda ontem equacionei não lançar este tema neste dia – se há um mês atrás soubesse de tudo o que se iria passar, provavelmente teria agendado a edição para outra altura. Em conversa com uma amiga próxima, ela dizia: “É uma altura confusa e delicada. Precisamos de consciência e responsabilidade mas também precisamos de leveza e esperança.” E é por isso mesmo que avanço com a música consciente de que também faz parte do lugar que ocupo na sociedade, transmitir boa disposição e esperança a quem me ouve.”

FICHA TÉCNICA

MÚSICA
Letra – Carlos Nobre Neves
Música – João A. Nobre
Voz – Carlão
Programações – João A. Nobre
Ukelele – Mario Delgado
Assobios – Paulo Ribeiro, Carlão, João Martins
Misturado por João A. Nobre com João Martins
Masterizado por Rui Dias
(P) 2020 CARLÃO, under exclusive license to Universal Music Portugal, SA

VÍDEO
Realizador - Fernando Mamede
Direcção de fotografia - João Carneiro
Edição - Sofia Bidarra
Estúdio - ZOF

PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS
Afonso Pimentel, Alex D’Alva Teixeira, Ana Markl, Ana Moura, António Zambujo, Beatbombers, Blaya, Boss AC, Branko, Conan Osíris, Conguito, Fernando Alvim, Inês Lopes Gonçalves, Joana Cruz, Marco Fortes, Mariama, Nuno Markl, Pedro, Rui Maria Pêgo, Sara Tavares, Tim (Xutos & Pontapés)

terça, 17 março 2020 11:35

FestivalEuFicaEmCasa

Artistas unem-se em iniciativa inédita em Portugal para sensibilizar a população a ficar em casa

@FestivalEuFicoEmCasa é uma iniciativa que une artistas, editoras e agências, num movimento cultural inédito em Portugal, apoiado pelos meios de comunicação e comunidade digital. Um evento no Instagram onde perto de uma centena de intérpretes, músicos e autores nacionais irão dar ‘concertos’ individuais, com a duração máxima de 30 minutos a partir das suas próprias casas e desta forma levar a música até todos os que ficaram privados dela com o cancelamento de todos os concertos no País.

O objetivo desta iniciativa é sensibilizar a população para a necessidade de ficar em casa. Numa altura crítica para Portugal e para o Mundo, é urgente que todos entendamos que só cumprindo as orientações da OMS e DGS poderemos sair deste cenário com a maior rapidez possível, protegendo também, desta forma, todos os inúmeros profissionais que são imprescindíveis para o combate ao Covid-19 e continuidade do funcionamento do País, como médicos, enfermeiros, farmacêuticos, trabalhadores de supermercados, polícias, bombeiros e tantos outros.

Numa altura também ela crítica para todo o sector cultural, em que o cancelamento e adiamento de inúmeros concertos e espetáculos em todo o País resultou numa quebra de 100% na faturação de grande parte dos intervenientes do sector, deixando artistas, músicos, técnicos, agências e várias empresas numa situação económica muito delicada, os artistas estão cientes de que, só com a responsabilidade de toda a população o sector poderá voltar à normalidade o mais breve possível, reduzindo dessa forma o impacto económico na sua atividade.

Por estas razões, esta iniciativa tem também o objetivo de tornar visível a problemática com que o sector se depara, chamando a atenção da população, dos media e consequentemente dos decisores políticos para a necessidade de olharem para as especificidades próprias desta área.

O Festival decorrerá esta semana, diariamente entre as 17h00 e as 23h30, com início já esta terça-feira, 17 de Março, até ao próximo domingo, 22 de Março.
A transmissão de cada concerto será feita na conta de Instagram de cada um dos artistas que participam na iniciativa ou através da conta de Instagram criada propositadamente para o Festival @FestivalEuFicoEmCasa.

Horários

17/MARÇO

17h00 – Bárbara Tinoco @tinoco.barbara
17h30 – André Henriques @_andrehenriques_
18h00 – Elisa Rodrigues @elisarodrigues.music
18h30 – Buba Espinho @buba_espinho
19h00 – Filipe Gonçalves @filipegoncalves_oficial
19h30 – João Pedro Pais @jpedropais
20h00 – DOMI @domi_8500
20h30 – Cristina Branco @cristinabrancoficial
21h00 – Boss AC @bossacoficial
21h30 – Diogo Piçarra @diogopicarra
22h00 – David Fonseca @davidfonseca
22h30 – Samuel Úria @samueluria
23h00 – BRANKO @brankoofficial

18/MARÇO

17h00 – Tiago Nacarato @tiago_nacarato
17h30 – Lince @lince.music
18h00 – Irma @irma_______________
18h30 – Filho da Mãe @umfilhodamae
19h00 – André Sardet @andresardetoficial
19h30 – Tomás Adrião @tomas__adriao
20h00 – Chico da Tina @chicodatina_almostofficial
20h30 – April Ivy @aprilivymusic
21h00 – Murta @bymurta
21h30 – Fernando Daniel @ofernandodaniel
22h00 – Márcia @marciaoficial_insta
22h30 – Noiserv @noiserv
23h00 – Supa Squad @supasquadmusic

19/MARÇO

17h00 – Paulo Sousa @paulonsousa
17h30 – Afonso Cabral @afonsoc
18h00 – Joana Espadinha & Cassete Pirata @joanaespadinha & @cassetepirataoficial
18h30 – Tainá @tainamusic
19h00 – Fábia Rebordão @fabiarebordao
19h30 – Bispo @bispo2725
20h00 – Mirai @eversenpai
20h30 – Marta Carvalho @martacarvalhomusic
21h00 – António Zambujo @antonio.zambujo
21h30 – Mafalda Veiga @mafalda_v
22h00 – Matias Damásio @matias_damasio_oficial
22h30 – Prodígio @pro2da
23h00 – DJ RIDE @djride_beatbombers

20/MARÇO

17h00 – Tomás Wallenstein @tomaswallenstein
17h30 – Sean Riley @seanrileyandtheslowriders
18h00 – Frankie Chavez @frankie_chavez
18h30 – Catarina Munhá @catarinamunha
19h00 – Kalú @kaluferreira58
19h30 – Cláudia Pascoal @claudiapascoal_
20h00 – Nelson Freitas @iamnelsonfreitas
20h30 – Marco Rodrigues @marcorodrigues_oficial
21h00 – AGIR @agirofficial
21h30 – Pedro Abrunhosa @pedro.abrunhosa
22h00 – Capicua @a_capicua
22h30 – Pedro Mafama @pedromafama
23h00 – Stereossauro @stereossauro_beatbombers

21/MARÇO

17h00 – Valas @johnnyvalas
17h30 – O Gajo @_ogajo_
18h00 – Joana Almeida @joanaalmeidafado
18h30 – Luís Severo @luissevero_
19h00 – Benjamim @eusouobenjamim
19h30 – Jorge Benvinda @jorgembenvinda
20h00 – Cálculo @ocalculo
20h30 – Rui Massena @ruimassenamaestro
21h00 – Héber Marques @heber_marques
21h30 – Carolina Deslandes @carolinadeslandes
22h00 – The Legendary Tigerman @thelegendarytigerman
22h30 – Ana Bacalhau @anabacalhau
23h00 – Moullinex @moullinex

 

22/MARÇO

17h00 – Fausto Bordalo Dias @festivaleuficoemcasa
17h30 – João Só @joao.so.insta
18h00 – Sara Correia @saracorreiafado
18h30 – Júlio Resende @julioresende.piano
19h00 – Selma Uamusse @selma_uamusse
19h30 – Ricardo Ribeiro @ricardoribeiromusic
20h00 – Best Youth @wearebestyouth
20h30 – Nuno Ribeiro @nunoribeiro_oficial
21h00 – Ana Moura @anamourafado
21h30 – David Carreira @davidcarreiraoficial
22h00 – Luísa Sobral @luisasobral
22h30 – Tiago Bettencourt @tiagobettencourt
23h00 – Xinobi @xinobi

A Direção da Cáritas Diocesana de Coimbra, deu a conhecer a sua tomada de posição no que diz respeito ao Peditório Público Cáritas 2020. Na conferência de imprensa que se se realizou na sua sede no Areeiro, Pe. Luís Costa, Presidente da Cáritas Diocesana de Coimbra agradeceu a disponibilidade de todos para participarem nesta ação.

Enquadrados, este ano, pelo tema: Cáritas é Amor, a Cáritas Diocesana de Coimbra, representada pelos seus colaboradores e voluntários, projetava sair à rua para recolher donativos para uma causa concreta e nobre, tal como em anos passados.

Este ano, o resultado do peditório, como foi já divulgado pela instituição anteriormente, será para a criação de um BANCO DE AJUDAS TÉCNICAS para situações de emergência, que possibilite a cedência temporária, gratuita, a pessoas mais velhas ou com demência que delas necessitem no âmbito do seu domicílio.

Com a implementação do Banco de Ajudas Técnicas, pretende-se dar resposta a necessidades de:

COMODIDADE (camas, colchões e cadeiras de banho);
MOBILIDADE (cadeiras de rodas e andarilhos);
APOIO AOS CUIDADORES (cintas e coletes).

O Banco de Ajudas Técnicas irá também contemplar um ponto de recolha de ajudas técnicas usadas, que possam ser partilhadas com outras pessoas.

A articulação entre a disponibilidade de ajudas técnicas e as diferentes necessidades da comunidade será feita pelo Centro de Apoio Social (CAS) da Cáritas de Coimbra.

No entanto, face ao desenvolvimento do surto do COVID-19 no nosso País, a Direção da Cáritas Diocesana de Coimbra decidiu cancelar o peditório. Atendendo a que a situação de contágio está em alerta elevado; que a ação do peditório teria de acontecer em espaços de elevado fluxo de pessoas e alguns em espaços fechados e envolve um contacto direto com as pessoas e com dinheiro; e considerando ainda as recomendações das autoridades públicas no sentido da “suspensão de eventos ou iniciativas públicas, realizados quer em locais fechados, quer em locais abertos ao público”; a Direção da Cáritas Diocesana de Coimbra comunicou que não irá expor os voluntários, principalmente crianças, jovens e idosos, assim como os colaboradores, que sempre estão com a organização, a uma situação de risco de contágio ou à possibilidade de contagiar outras pessoas.

A Direção da Cáritas de Coimbra, associando-se ao esforço que todo o País está a ser chamado a fazer, considera que esta tomada de posição concorre para a prevenção do surto e consequente contenção na região de Coimbra. A organização tem confiança de que esta ação, pelo bem que representa para os seus concidadãos, venha a realizar-se no futuro e, se tal vier a acontecer, conta com a participação e envolvimento de toda a comunidade.

 

 

domingo, 08 março 2020 15:14

Coronavírus adia portugal home week

A segunda edição do evento  expectava receber mais de cinco mil profissionais internacionais, mas a instabilidade internacional provocada pela epidemia do Coronavírus obrigou a organização do Portugal Home Week, liderada pela APIMA, pela Associação Portuguesa das Indústrias do Mobiliário e Afins, a cancelar a edição deste ano do certame.

A epidemia do coronavírus tem vindo a provocar alterações de datas e cancelamentos de iniciativas um pouco por todo o globo, afetando transversalmente todos os setores da economia mundial.

A indústria do mobiliário foi uma das mais prejudicadas, em virtude do adiamento do Salone del Mobile, realizado em Milão, precisamente uma das cidades europeias mais afetadas pelo vírus Covid-19. Inicialmente agendado para os dias 21 a 26 de abril, um dos maiores eventos mundiais do setor, que conta com mais de dois mil expositores, oriundos de cerca de 180 países, foi adiado para a semana de 16 a 21 de junho.

Uma decisão que afeta diretamente cerca de 200 empresas portuguesas inscritas no evento, cujos resultados económicos dependem fortemente dos contactos efetuados nas feiras internacionais.

As novas datas do prestigiado evento colidem com as do Portugal Home Week, agendado para os dias 17, 18 e 19 de junho, na Alfândega do Porto. O Home Show, espaço expositivo das melhores empresas nacionais da Fileira Casa, estava já lotado, registando níveis de adesão muito superiores aos da primeira edição, realizada no ano passado. Das empresas inscritas, cerca de 70% participa, também, no Salone del Mobile. Confrontada com esta sobreposição, e face ao preenchido calendário de iniciativas setoriais agendadas até ao final do ano, a organização do Portugal Home Show optou pelo cancelamento da edição prevista para 2020.

Joaquim Carneiro, presidente da APIMA, confessa tratar-se de uma "decisão difícil", mas que salvaguarda, simultaneamente, "a saúde pública e o superiorinteresse das empresas nacionais". O responsável da associação, que apoia diretamente cerca de 80 empresas nacionais presentes no Salone del Mobile, explica que "dividir esforços e a atenção mediática seria negativo para as nossas empresas e para o próprio posicionamento do evento. Preferimos apostar no apoio às empresas nacionais nesta fase complicada, que tem afetado não só os encontros empresariais, como as próprias cadeias de fornecimento, e preparar atempadamente uma edição 2021 que reforce, ainda mais, a inovação, a sofisticação e a pujança da Fileira Casa Portuguesa".

O Portugal Home Week nasceu em 2019, com o objetivo de reforçar a projeção internacional e o posicionamento premium e inovador das indústrias da Fileira Casa. Para além do espaço expositivo e dedicado ao networking, a organização aposta num fórum de debates, designado de Home Summit, acerca do presente e futuro do cluster, com a participação de alguns dos principais agentes e players do panorama mundial.

A primeira edição recebeu mais de mil visitantes, estimando a organização que a atividade económica gerada tenha superado os 10 milhões de euros. Para este ano, a ambição passava por quintuplicar o número de visitantes, registando-se particular procura por parte dos mercados russo, britânico e norte-americano.

As indústrias da Fileira Casa Portuguesa geraram, em 2018, cerca de 3,5 mil milhões de euros, sendo que 2,5 mil milhões foram resultado de exportações, representando 4,3 % do total nacional. É hoje um dos clusters portugueses com maior projeção internacional, numa trajetória contínua de crescimento que leva, atualmente, os produtos destes setores a mais de 180 mercados, com destaque para França, Espanha, Reino Unido e Estados Unidos da América.

quarta, 04 março 2020 12:02

As canções de Maria estreia

 

As Canções da Maria, projeto infantil criado por Maria de Vasconcelos com o objetivo de facilitar a aprendizagem escolar, vai estrear-se nos Coliseus no próximo mês de Março.

No decorrer do espetáculo Maria, Mathias, Mathilde e Manon vão mostrar várias canções, poemas, lengalengas e muitas curiosidades, ao mesmo tempo que passam por temáticas escolares tão interessantes como a História de Portugal, o Corpo Humano, a Língua Portuguesa e a Matemática.

Maria desde sempre foi vista com a sua guitarra às costas a fazer canções a torto e a direito e foi com a entrada das suas filhas na escola que começou a compor sobre as mais diversas disciplinas para que elas pudessem brincar ao mesmo tempo que aprendiam com mais facilidade. Tudo é mais fácil a cantar.
As Canções da Maria, que contam com três CD+DVD+Livro com ilustrações de Nuno Markl, chegam agora aos grandes palcos dos Coliseus, com dois espetáculos absolutamente brilhantes desenhados para conquistar os mais novos e os adultos. Ninguém vai ficar indiferente.

8 de março
Coliseu Porto Ageas

15 de março
Coliseu Lisboa

Vem aí a 6ª edição do festival, que irá decorrer entre os dias 11 e 13 de Março 2020 em Lisboa, com actividades no Cinema São Jorge, na Cinemateca Portuguesa e na Universidade Lusófona.

Perante a decisão de encerramento do Cinema São Jorge, a sessão que estava prevista para o dia 11 de Março com início às 15h fica sem efeito.

A entrega dos prémios do GUIÕES VI irá decorrer no final da sessão do Boni Bonita na Cinemateca Portuguesa - espaço que, até decisão em contrário e dependente de administração do Ministério da Cultura, permanece em actividade plena. Ou seja, ambas as sessões de 11 e 12 de Março previstas para a Cinemateca Portuguesa continuam confirmadas.

Perante a decisão de encerramento da Universidade Lusófona, as Masterclasses que estavam previstas para o dia 12 de Março irão decorrer em forma de workshop limitado a 20 participantes na Sala Rainha D. Amélia do Hotel Dom Carlos Park (Av. Duque de Loulé, 121, Lisboa). Os horários das masterclasses/workshops e oradores mantêm-se como inicialmente previsto. Pela limitação de espaço, a ordem de inscrição de participantes será feita numa lógica first come, first serve (por email para guioes@squatterfactory.com). A participação nos workshops não implicará custos como estava inicialmente previsto, mas dada a mudança de espaço somos forçados a limitar a participação aos primeiros interessados.

Pela mesma razão, o mini-lab de séries que estava previsto decorrer no Dia 13 de Março na Universidade Lusófona irá decorrer na Sala Rainha D. Amélia do Hotel Dom Carlos Park (Av. Duque de Loulé, 121, Lisboa). Este mini-lab é limitado aos participantes previamente seleccionados.

Temos mesmo muita pena em cancelar a sessão de pitch - momento que é muito importante para os finalistas / guionistas - mas a situação e o respectivo cariz de urgência não nos permitiram encontrar nenhuma alternativa em tempo útil. O debate sobre Narrativas Episódicas fica igualmente sem efeito.

Esperamos poder contar convosco nas sessões de 11 e 12 de Março na Cinemateca Portuguesa e/ou nas actividades formativas de 12 de Março.

Por vezes temos de conseguir saber lidar com situações imprevistas e, para não sermos forçados a cancelar o total das actividades do festival, esta solução foi a melhor que conseguimos encontrar no tempo disponível e que nos permita minimizar os prejuízos de todas as pessoas interessadas / afectadas

PROGRAMA 

12 MARÇO | QUINTA

Universidade Lusófona, Auditório Agostinho da Silva

10:00h>12:30h

Masterclass Will Storr

THE SCIENCE OF STORYTELLING

14:00h>15:00h

Masterclass Leo Garcia

SALAS DE ROTEIRO

15:00h>16:00h

Masterclass Julia Priolli

TEORIA DE SÉRIES E DESENHO DE TEMPORADA

16:30h>18:00h

Masterclass David França Mendes

A NARRATIVA NÃO-LINEAR EM WATCHMEN: UM ESTUDO DE CASO

Cinemateca Portuguesa

19:00h

HELEN + Q&A

Exibição do filme com autor André Collazzi

 

13 MARÇO | SEXTA

Universidade Lusófona, Sala F3.4

10:00h>18:00h

Mini lab

Leo Garcia e Julia Priolli (séries)

Projectos seleccionados para o Mini-lab:

"Segredo Secreto", de Gabriela Giffoni

"Camões", de Martim Baginha

"Os Improváveis", de Martina Rupp

"S.E.A.N.C.E", de Tiago Teixeira

Entretanto, o júri constituído por Felipe Lacerda, Julia Priolli, Leo Garcia, Nuno Noivo e Nuno Rocha (bios em guioes.com/juri) continua no processo de leitura e avaliação dos finalistas da 6ª edição do GUIÕES

“A Máquina de Fazer Dinheiro”, de Johanna Maitland (BR)
“Devolva-me”, de Gustavo Calenzani (BR)
“Dia Sim, Dia Não”, de Pedro Mira (PT)
“Fragmentos de Um Planeta Desconhecido”, de Tainá Muhringer (BR)
“Manual da Pós-Verdade”, de Thiago Foresti (BR)
“O Campo dos Lobos Guarás”, de Bárbara Cunha (BR)
“O Outro Que Nos Habita”, de Mario Oshiro (BR)
“Personal”, de Carlos Marcelo (BR)
“Soraya com Y”, de Raphael Gomes (BR)
“Terra Turva”, de Augusto Brasil (BR)

Os prémios da 6ª edição podem ser consultados em guioes.com/premios.

O projecto seleccionado para o PT CO-PROD da 6ª edição do GUIÕES é “Amo-te Imenso”, de Juliana Calejan.

Informamos também que a GUIOTECA do GUIÕES VI já está online.

quarta, 19 fevereiro 2020 11:21

MB way alvo de fraudes aumenta queixas

Só em janeiro de 2020, o Portal da Queixa (PQ) registou quase o total de reclamações recebidas em 2019

O PQ verificou um aumento significativo do número de reclamações referentes a burlas feitas através do sistema de pagamento MB Way, que permite fazer transferências instantâneas de dinheiro entre números de telemóvel associados à app, gerar cartões virtuais e usar o multibanco sem ter de usar cartão bancário. Em 2019, as 102 queixas registadas traduziram um aumento de 75%, face ao período homólogo (41 queixas em 2018). Em 2020, a maior rede social de consumidores de Portugal já recebeu 86 reclamações, ou seja, em apenas um mês, verifica-se quase o total de queixas recebidas em 2019, registando um aumento de 169% face ao período homólogo.

“Embora não seja um tema recente, verificámos um aumento exponencial de reclamações por burla através do sistema MB Way, nos últimos seis meses, pelo qual sentimos o dever de alertar os consumidores. Por sermos uma plataforma que tem como principal objetivo a partilha de experiências de consumo, é essencial que os nossos utilizadores estejam atentos e sejam conhecedores dos vários esquemas de fraude e burla, com vista a potenciar o aumento da literacia digital junto da sociedade portuguesa”, refere Pedro Lourenço, CEO do Portal da Queixa.

Total de reclamações relacionadas com burlas recorrendo ao método de pagamento MB Way

Ano  Total de reclamações   %

2018

                 41

2019

                102                    75%

2020

                 86

Pedro Lourenço salienta que “o Portal da Queixa tem vindo a alertar os consumidores para este crescente fenómeno através dos seus veículos de comunicação, tendo já enviado informação por newsletters, nas redes sociais e através da partilha de notícias com os utilizadores e visitantes da plataforma” revelando ainda que: “estamos inclusivamente a preparar um projeto na área de literacia digital, com vista a potenciar o conhecimento destas práticas fraudulentas.”

De referir que, das entidades públicas, apenas a PSP, a GNR e a Polícia Judiciária, foram os órgãos de segurança que alertaram para o perigo e a existência de burlas através da aplicação MB WAY. Até ao momento, nenhum órgão do estado de supervisão (Banco de Portugal) ou de apoio ao consumidor (Direção Geral do Consumidor) veio a público alertar os consumidores para este fenómeno.

Os utilizadores de plataformas de venda de particular a particular, como o Olx e Custo Justo, são os principais alvos destes esquemas de burla. O processo começa num contacto de interesse no artigo à venda, seguindo-se a oferta de aquisição por meio de pagamento MB Way. O esquema é consumado, quando o vendedor (vítima) refere desconhecer o funcionamento da aplicação de pagamento, sendo convidado pelo alegado burlão a dirigir-se a uma caixa multibanco, com vista a colocar o cartão de débito e inserir o número de telefone e código de acesso, que este lhe fornece, para proceder ao pagamento. A vítima julga estar a inserir os códigos para receber o dinheiro, contudo está a fornecer pleno acesso à sua conta bancária.

O Portal da Queixa alerta para que os consumidores lesados neste esquema de burla, procedam sempre à queixa-crime nas autoridades policiais da sua área de residência, com vista a permitir a investigação criminal e levar os criminosos à justiça.

SIBS esclarece utilizadores

Por seu turno, a SIBS, entidade gestora da Rede Multibanco, perante as comunicações de burla e fraude geradas pela utilização do serviço MB WAY, tem emitido esclarecimentos onde alerta e informa os consumidores. Da mesma forma, tem mantido o contacto direto e de proximidade com todos os utilizadores, que registam a sua experiência no Portal da Queixa, refletido pela taxa de resposta de 98% e do Índice de Satisfação de 78,5%, que mantem atualmente. Manifestando preocupação acerca do aumento das reclamações relativas a este tema, sugere a adoção de recomendações e regras fundamentais (também disponíveis no site e redes sociais do MB Way para que os utilizadores acedam aos serviços financeiros com a máxima segurança,

Nunca deve adicionar, ou permitir que adicionem à sua conta ou cartão bancário, um número de telemóvel que não possui ou desconhece, quer seja através do MULTIBANCO, quer seja através do homebanking.
Nunca deve seguir orientações de terceiros ou desconhecidos para fazer uma transação financeira, seja qual for, nomeadamente uma adesão ao serviço MB WAY. Da mesma forma, nunca deve fornecer dados ou códigos da sua conta a um desconhecido.
Os bancos não solicitam, telefonicamente ou por mail, que adicione à sua conta bancária um número de telemóvel que não é seu ou não conhece. Caso seja contactado neste sentido e desconfie da legitimidade do contacto, deverá de imediato entrar em contacto com o seu banco.
Da mesma forma, nenhuma entidade legítima, como operadoras de comunicação ou de outros serviços, lhe poderá solicitar, telefonicamente ou por mail, que adicione à sua conta bancária um número de telemóvel que não é seu ou não conhece. Caso seja contactado neste sentido e desconfie da legitimidade do contacto, deverá de imediato entrar em contacto com o seu banco.
Nunca forneça dados confidenciais ou pessoais como resposta a mensagens de correio eletrónico ou via sms, mesmo que a origem da solicitação aparente ser legítima.
Não siga ligações que recebeu em mensagens de correio eletrónico ou via sms.
Verifique os extratos das suas contas bancárias regularmente.
A SIBS recomenda que contacte o seu banco para adicionar o(s) seu(s) número(s) de telemóvel para que possam ter a sua ficha de cliente totalmente preenchida.

sábado, 08 fevereiro 2020 10:20

Tio Tomás na Animar'20

Regina Pessoa será o grande foco da 15ª edição da ANIMAR, no A Solar, a Galeria de Arte Cinemática, , a decorrer de 15 de fevereiro a 6 de junho,em Vila do Conde.

A exposição da 15ª edição da ANIMAR, projeto de programação cultural de forte pendor educacional tem como o objetivo despertar o interesse do público de todas as faixas etárias, sobretudo o infanto-juvenil, para o mundo cinemático. A exposição terá um foco especial na obra "O Tio Tomás, A Contabilidade dos Dias" de Regina Pessoa, na comemoração dos 20 anos da carreira da cineasta e contará com a presença da realizadora e o seu produtor, Abi Feijó, e também com Alexandre Siqueira, autor de "Purpleboy", filme de animação que será outro dos motivos de interesse da exposição. Um trabalho colaborativo entre a equipa da Solar e os autores, a exposição apresentará instalações artísticas e uma mostra organizada dos mais diversos materiais que documentam o processo criativo e de produção dos filmes.

"Tio Tomás, A Contabilidade dos Dias" vence Annie Awards.
O filme de Regina Pessoa venceu o galardão de Melhor Curta-Metragem de Animação na 47º edição dos Annie Awards, evento que celebra a excelência no campo da animação, cujos prémios são atribuídos anualmente em Los Angeles pela divisão de Hollywood da Associação Internacional de Cinema de Animação (ASIFA). É a primeira vez que um filme português é distinguido pelos prémios da associação de animação americana. Regina Pessoa descreveu a distinção como um capítulo relevante para a animação portuguesa: "É importante porque é a primeira vez que um filme português ganha este prémio. É mais uma etapa de um terreno que os portugueses vão pouco a pouco desbravando.

Filmes portugueses no maior festival de curtas da Europa

"Tio Tomás, A Contabilidade dos Dias" de Regina Pessoa e "Entre Sombras" de Mónica Santos e Alice Eça Guimarães serão exibidas no maior e mais importante festival de curtas-metragens europeu, o Festival de Clermont-Ferrand, que arrancou no dia 31 de janeiro e decorre até 8 de fevereiro, em França. "Entre Sombras", selecionado para o European Short Film Audience Awards, será ainda exibido dia 7. "Tio Tomás, A Contabilidade dos Dias", que está selecionado na Competição Nacional, no programa F6, será exibido diariamente ao longo do festival - consultar aqui os horários.

Curtas Vila do Conde: Inscrições abertas.

Continuam abertas as inscrições para o 28º edição do Curtas Vila do Conde, o Festival Internacional de Cinema, que terá lugar entre 11 e 19 de julho de 2020. Aceitam-se curtas-metragens produzidas em 2019 ou a produzir em 2020, de duração máxima até 60 minutos (salvo exceções assinaladas), em várias categorias e nas diversas competições do festival. Consulte o regulamento e outras informações aqui. As inscrições estão disponíveis em várias plataformas online até 30 de abril 2020.

domingo, 02 fevereiro 2020 14:48

Paulo Bernardino encanta em Coimbra

Ciclo de Concertos de Coimbra celebra Dia dos Afetos com concerto solidário, no dia 14 de Fevereiro, pelo organista Paulo Bernardino.

A capital do Amor, a cidade romântica e histórica de Coimbra, recebe no Dia dos Namorados a pré-estreia do Ciclo de Concertos de Coimbra (CCC) com um concerto muito especial na Igreja St. Cruz, pelas 15h00.

A Associação Culturxis, promotora do evento, oferece um concerto de órgão a cargo do organista Paulo Bernardino a todos os utentes, e não só, da Cáritas de Coimbra. No dia dos Afetos, este concerto é procedido pela apresentação do programa integral da 5a edição do Ciclo de Concertos de Coimbra que se realizará de 20 a 22 de Março em diversos espaços emblemáticos da cidade.

Na igreja de Sta. Cruz irá soar o grande órgão de tubos, um instrumento que pela sua idade, história e tamanho tem um lugar especial na organaria portuguesa. Este é também o mote para promover o concerto solidário que se realiza no CCC, no dia 21 de Março pelas 21h30 no Conservatório de Música de Coimbra, intitulado “Música Maestros” em que a bilheteira reverte integralmente a favor da Cáritas de Coimbra. Estes concertos celebram assim o afeto que nutre pela cidade e pelos seus cidadãos. Convidamo-vos a partilhar este momento e conhecer o programa que animará Coimbra durante três dias.

14 de fevereiro

14h30 - Apresentação da 5ª Edição do CCC
Presença do Maestro António Victorino d'Almeida e Actor António Capelo
15h00 - Concerto de Órgão por Paulo Bernardino

FaLang translation system by Faboba

Eventos


loading...